Arapongas recebe primeiro lote com 1.352 doses da vacina contra a Covid-19

Read Time:2 Minute, 3 Second

Nesta terça-feira, 19, Arapongas recebeu o primeiro lote com as 1.352 doses da vacina contra a Covid-19. A chegada foi acompanhada pelo vice-prefeito, Jair Milani, e pelo secretário de Saúde, Moacir Paludetto Jr, durante desembarque no Aeroporto de Apucarana. Todas as doses foram encaminhadas à 16ª Regional de Saúde e, de lá, foram distribuídas entre os demais municípios. Para Arapongas, as doses foram escoltadas com a presença da Guarda Municipal e Polícia Militar, sendo acondicionadas no setor da Vigilância Sanitária. 

CRONOGRAMA – De acordo com a Secretaria de Saúde, a primeira dose da vacina será administrada na técnica de enfermagem Zilma Soares de Brito, 66, que atua na UPA 24 Horas e 18 Horas do Petrópolis. A ação será às 9h, na UPA. De imediato, as demais doses também começam a ser distribuídas às equipes, priorizando o atendimento aos profissionais da saúde da linha de frente (UPA, três 18 Horas, Honpar e Santa Casa); idosos acima dos 60 anos atendidos em asilos e profissionais que atuam nesses locais. 

“Com a chegada da vacina, nós já temos uma estratégia, compreendendo a ação de várias equipes volantes. O início será simultâneo. Nós não vamos permanecer apenas com uma equipe. Por exemplo, as equipes estarão presentes nos hospitais realizando a vacinação nos plantões que lá existem – ou seja, quatro plantões, turno diurno, noturno e em dias alternados. Assim realizaremos também nos plantões dos nossos atendimentos 24 Horas, que hoje realizam o Pronto Atendimento Infantil e também na UPA”, disse Moacir. 

Segundo ele, a perspectiva é de que em uma semana todas as doses sejam aplicadas. “Isso porque a segunda dose das vacinas tem que ser aplicada num prazo de 28 dias depois da primeira dose e o Estado já garantiu também que a segunda dose chegara em breve”, disse. A meta, ressalta o secretário, é realizar o maior número de doses, no menor tempo possível. 

PRIORIDADE – 1º lote:

1- Todas as pessoas com mais de 60 anos que se residem em Instituições de Longa Permanência para Idosos (ILPI) e os profissionais que atuam nos locais; 
2- Os profissionais que fazem parte da equipe de vacinação;
3- Os profissionais de saúde, com prioridade para aqueles que atuam em unidades de saúde que atendem pacientes com suspeita ou confirmados de infecção pelo novo coronavírus.

Os outros grupos prioritários serão vacinados conforme o Plano Estadual de Vacinação e as respectivas estratégias serão divulgadas após a chegada das doses necessárias.

Fonte: Prefeitura de Arapongas

Happy
Happy
0 %
Sad
Sad
0 %
Excited
Excited
0 %
Sleepy
Sleepy
0 %
Angry
Angry
0 %
Surprise
Surprise
0 %
Previous post Saúde alerta sobre ligações e SMS falsos de cadastro para vacinação
Next post Encontro de diretores debate ensino na rede estadual