Arapongas: XI Conferência Municipal de Assistência Social debate ações de políticas públicas

Read Time:2 Minute, 28 Second

Aconteceu na tarde desta terça-feira (27), a XI Conferência Municipal de Assistência Social, cujo tema norteia: “O Direito do Povo com Financiamento Público e Participação Social”. O evento foi promovido pela Secretaria de Assistência Social (Semas) e Conselho Municipal de Assistência Social (CMAS), no SOS Guarda Mirim, reunindo cerca de 100 pessoas, entre elas, o prefeito Sérgio Onofre, a secretária de Assistência Social, Ismailda Ferreira de Lima da Silva e chefe do escritório regional da secretaria da Justiça, Trabalho e Família do Paraná, Juliana Eliza da Silva.

Promovendo um espaço de discussão, avaliação e deliberação da Política de Assistência Social, o evento teve por objetivo assegurar garantias de direitos sociais constitucionalmente adquiridos aos usuários do Sistema Único de Assistência Social (SUAS), além da eleição dos conselheiros que irão compor o CMAS. “De maneira atuante, aplicamos na prática e com eficiência 99% das ações trazidas durante X Conferência, em 2017. Desta mesma forma, queremos fazer neste ano, trabalhando fortemente pelos nossos usuários dos serviços em assistência social. Há 15 anos, lutamos dentro do SUAS, que se consolidou como política pública, garantindo os direitos daqueles que mais necessitam. Podemos aqui, discutir cidadania, fortalecimento de vínculos, entre outras vertentes, tão urgentes e necessárias. Através da soma de esforços entre as entidades, poder público, organizações da sociedade civil, entre outros, podemos ir muito longe”, garantiu a secretária de Assistência Social, Ismailda da Silva.

Antecedendo a abertura do evento, foram realizadas nas últimas semanas quatro Encontros Temáticos onde foram apresentados os principais eixos que norteiam a XI Conferência, além da escolha dos eleitos para representantes de trabalhadores e entidades para irão compor o CMAS (biênio 2019/2021).

Em discurso, o prefeito manifestou a satisfação em participar de um evento e também das ações investidas pelo poder público na assistência social. “Ter atenção e ações concretas dentro da assistência social, é um dever humano. Lidamos diretamente com pessoas, que na grande maioria, necessitam dos serviços sociais. Diante da crise instalada em todo o país, nós chegamos a triplicar a destinação de cestas básicas, através dos nossos CRAS’s.  Descentralizamos esses serviços, facilitando o acesso para esses usuários, tanto na região do Conjunto Flamingos, como no CSU e Zona Sul. Mantemos uma gestão que se aproxima da população, mantemos o gabinete de portas abertas para receber a todos, e em sua grande parte, são pessoas que demandam desses serviços específicos. Junto com a nossa Secretaria de Assistência Social e demais apoios, temos alcançando  pessoas que precisam de um olhar e atendimentos humanitários”, disse. Ele ainda enfatizou demais serviços já realizados em prol dos usuários da Assistência Social do município, entre eles, a regularização dos contratos de moradias do PSH, para mais de 70 famílias, residentes no Conjunto São Bento, Jardim Santo Antônio e Conjunto Novo Flamingos.

Participaram também do evento, a promotora de Justiça, Dra. Leda Barbosa Lorejan,  representantes do serviços da Assistência Social, entidades, clubes de serviços, vereadores municipais e população em geral.

Fonte: Prefeitura de Arapongas

Happy
Happy
0 %
Sad
Sad
0 %
Excited
Excited
0 %
Sleepy
Sleepy
0 %
Angry
Angry
0 %
Surprise
Surprise
0 %
Previous post Arapongas: Secretaria de Saúde comemora Dia do Psicólogo com palestra aos profissionais
Next post Arapongas: Aberta as inscrições para o 4ª GM Run