Arapongas: Plano de Desenvolvimento Urbano busca integração entre regiões metropolitanas

Read Time:1 Minute, 45 Second

Nesta segunda-feira, 08, o vice-prefeito de Arapongas e também secretário de Obras, Jair Milani, esteve reunido com representantes da empresa Urbtec – responsável por desenvolver o Plano de Desenvolvimento Urbano Integrado da Região Metropolitana de Londrina (PDUI), entre eles, o arquiteto urbanista gerente do projeto, Leonardo Fernandes de Campos. Na ocasião, foram apresentados ao vice e membros da Secretaria de Desenvolvimento Urbano (Seodur) pontos específicos do Plano de Desenvolvimento Integrado, que é um instrumento utilizado para definir diretrizes voltadas ao desenvolvimento territorial estratégico das regiões metropolitanas de Londrina e Maringá.

“O objetivo central é buscar diretrizes, projetos e ações para que o PDUI reduza as desigualdades e melhorias na qualidade de vida da população dessas regiões metropolitanas. Arapongas é uma delas, por isso estamos aqui hoje”, afirmou Campos. Arapongas foi a 11ª cidade da região de metropolitana de Londrina a receber a apresentação do PDUI. O Plano propõe também alinhar os municípios em relação às Funções Públicas de Interesse Comum (FPIC’s), buscando soluções integradas para demandas comuns, com foco em três eixos: planejamento territorial e uso e ocupação do solo; mobilidade metropolitana e Meio Ambiente e Saneamento Básico.

Para Milani, é importante a análise e aprofundamento dentro do Plano de Desenvolvimento Urbano Integrado, que visa interagir melhor os municípios da região. “É válido conhecermos bem o plano e entendermos de que maneira deverá ser benéfico para Arapongas. São propostas interessantes que, se alinharmos junto ao Plano Diretor do Município, poderemos colher bons frutos. Essa foi uma primeira apresentação. Vamos analisar os prós e contras com as nossas equipes técnicas da Seodur”, pontuou.

Atualmente, o PDUI encontra-se na etapa 01, que é o Plano de Trabalho e Mobilização. Os passos seguintes consistem em: Determinação do recorte territorial da região Metropolitana; Diagnóstico, diretrizes e propostas setoriais metropolitanas prioritárias; Definição de processos referentes às FPIC’s priorizadas; Modelo de governança interfederativa metropolitana; Relatório final com as propostas consolidadas.

Participaram também do encontro os engenheiros da Seodur, Ricardo Koike e Israel Biazon, e demais representantes e Paulo Victor Grein – jornalista responsável pela Comunicação da Urbtec.

Fonte: Prefeitura de Arapongas

Happy
Happy
0 %
Sad
Sad
0 %
Excited
Excited
0 %
Sleepy
Sleepy
0 %
Angry
Angry
0 %
Surprise
Surprise
0 %
Previous post Vacinômetro: 2.020 pessoas já foram vacinadas contra a Covid-19 em Arapongas
Next post Arapongas registra 44 novos casos de coronavírus e 66 curados