Deputado Boca Aberta é denunciado à polícia por agressão contra oficial de justiça

Read Time:1 Minute, 39 Second

O deputado federal Emerson Petriv (Pros), conhecido como Boca Aberta, foi denunciado à Polícia Civil por agredir um oficial de justiça na quarta-feira (20), em Londrina, no norte do Paraná.

O oficial relatou em Boletim de Ocorrência os crimes de desacato e injúria, que é a ofensa contra a dignidade da pessoa.

Conforme o Boletim de Ocorrência, o oficial de Justiça Adelino Correa foi até a casa do deputado para entregar uma intimação e foi empurrado contra o próprio veículo.

O deputado Boca Aberta negou as agressões.

“Cadê o exame de corpo de delito? Tudo mentira. A internet aceita tudo, o papel aceita tudo. Quer ver provar. É uma grande mentira e vai responder por isso. Tudo o que eu falo, provo com documento. Se ele tem fé pública, eu também tenho. Vou na delegacia fazer Boletim de Ocorrência e ele vai ter que provar. Ele xingou a minha esposa e o meu filho, que é deputado estadual”, disse.

A intimação convocava Boca Aberta para comparecer a uma audiência em março de 2020. A audiência vai tratar do processo que apura discussões e agressões entre o parlamentar e o vereador Amauri Cardoso (PSDB) em março deste ano. A confusão ocorreu após um evento em uma universidade.

  • Após ferimentos por briga com vereador, deputado federal deixa o hospital em Londrina
  • Justiça nega pedido de prisão e de medida cautelar contra vereador envolvido em briga com deputado federal
  • Justiça Federal determina que investigações sobre briga entre deputado e vereador de Londrina sejam separadas

O oficial de justiça descreveu em um relatório entregue à Justiça que Boca Aberta disse que não receberia a intimação.

Logo depois, se descontrolou e proferiu injurias à Justiça e agrediu fisicamente o oficial de justiça, gritou palavrões, rasgou em vários pedaços o documento e ainda cuspiu no rosto do oficial.

O oficial relatou que deixou o local para evitar ser linchado por Boca Aberta. O documento com a descrição dos fatos foi enviado à Vara Criminal.

Fonte: G1 Paraná

Happy
Happy
0 %
Sad
Sad
0 %
Excited
Excited
0 %
Sleepy
Sleepy
0 %
Angry
Angry
0 %
Surprise
Surprise
0 %
Previous post Arapongas: SECLE auxilia nos preparativos para Festival de Fanfarras
Next post Arapongas: Cisam realiza doação de lenços, bonés e almofadas de coração ao Centro de Oncologia do Honpar