OPAS alerta epidemiológico para as Américas: novo coronavírus identificado na China

Read Time:1 Minute, 17 Second

A Organização Pan-Americana da Saúde (OPAS/OMS) emitiu um alerta aos seus países membros sobre o novo coronavírus (nCoV), recomendando que “os profissionais de saúde tenham acesso a informações atualizadas sobre a doença, estejam familiarizados com os princípios e procedimentos para manejar infecções por nCoV e sejam capacitados a obter informações sobre o histórico de viagens de um paciente, a fim de conectar essas informações aos dados clínicos”.

Embora mais de 40 casos tenham sido relatados na China, Tailândia e Japão, “não há evidências que sugiram que a transmissão de pessoa para pessoa ocorra facilmente”, afirma o alerta. Sugere que as autoridades nacionais “revisem as ações consideradas em resposta à disseminação do SARS-CoV em 2003, adaptando-as e adotando aquelas são proporcionais ao risco atual”.

Os coronavírus (CoV) são uma grande família de vírus que causam doenças que variam do resfriado comum a doenças mais graves, como a Síndrome Respiratória do Oriente Médio (MERS-CoV) e a Síndrome Respiratória Aguda Grave (SARS-CoV). O novo coronavírus é uma nova cepa que ainda não havia sido identificada em humanos. Os coronavírus são zoonóticos, o que significa que são transmitidos entre animais e pessoas.

A OPAS/OMS encoraja seus Estados Membros a fortalecerem as atividades de vigilância para detectar qualquer evento incomum de saúde respiratória e acompanhará de perto a evolução epidemiológica da situação, fornecendo orientações mais detalhadas quando disponíveis. O organismo internacional não recomenda nenhuma triagem nos pontos de entrada referente a este evento, nem quaisquer restrições a viagens ou comércio.

Fonte: OPAS

Happy
Happy
0 %
Sad
Sad
0 %
Excited
Excited
0 %
Sleepy
Sleepy
0 %
Angry
Angry
0 %
Surprise
Surprise
0 %
Previous post Mega-Sena acumula e deve pagar R$ 35 milhões na quinta-feira
Next post Paraná: Governo investe R$ 8 milhões na infraestrutura da Ilha do Mel